ESTUDO COMPARATIVO DO IMPACTO AMBIENTAL DOS PRODUTOS ÍNTIMOS FEMININOS REUTILIZÁVEIS E DESCARTÁVEIS, EXTERNOS E INTERNOS

Autores

  • Nicole Molle Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS
  • Ruth Marlene Campomanes Santana Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS

Palavras-chave:

Produtos íntimos femininos; Impacto ambiental; Viabilidade.

Resumo

Produtos reutilizáveis para uso durante o ciclo menstrual feminino estão cada vez mais populares e presentes no mercado. O público feminino pode escolher entre produtos descartáveis ou reutilizáveis de acordo com o critério que achar mais importante. Esse estudo analisou os parâmetros durabilidade, quantidade de produtos necessários da menarca à menopausa, preço, reciclabilidade, biodegradação e proveniência de fontes renováveis dos produtos mais vendidos atualmente. Os materiais usados nesse estudo são os absorventes: descartáveis externos e internos e os reutilizáveis menstruais externos (de pano), calcinha e o coletor (interno). A análise realizada considerou os dados fornecidos pelos fabricantes, pesquisa da literatura e resultados experimentais. Resultados deste estudo indicam que o produto com menor quantidade de material é o absorvente interno descartável, o mais durável, barato e com maior probabilidade de ser reciclado é o coletor; e o produto que será biodegradado mais facilmente e possui maior quantidade de materiais provenientes de fontes renováveis é a calcinha. Portanto, conclui-se que este trabalho pode servir como ferramenta para fornecer informações à consumidora sobre o impacto ambiental de cada uma das opções de produto íntimo feminino disponível além de outros critérios a serem analisados durante sua escolha.

Downloads

Publicado

07-08-2021